terça-feira, 1 de dezembro de 2009

2012 - Ficção ou Realidade?



Mais sobre a profecia de 2012:
http://porque2012.com/porque2012.html

5 comentários:

  1. Pois é... Hollywood!!!!

    Para mim é ficção... na escala!

    A Realidade é como aquela história do sapo... não que eu tenha feito pois sou contra este tipo de torturas, mas a história do sapo é que se colocar-mos um sapo dentro de uma panela com água já quente (perto da temperatura de evaporação) ele salta imediatamente de lá para fora... se fizermos à socapa, se pusermos o sapo dentro de água à temperatura ambiente e começarmos a aquecer lentamente a água o sapo já não salta mas morre cozido...

    É o que nos vai acontecer... pois continua-mos a negar as evidências...
    Se tiveres, se tiveres não!... Arranja tempo e vê este documentário (está em inglês falado/escrito) se quiseres ver em português passa dia 6 Dezembro 2009 às 20h30, RTP2

    http://video.google.com/googleplayer.swf?docid=-2174195060267517042&hl=en&fs=true

    ResponderEliminar
  2. Sem ofensa, mas terem colocado isto aqui no blog é um pouco desadequado. Uma vez que isso é um filme, e a realidade é a realidade.

    E realidade é esta:

    Fonte NASA,

    www.nasa.gov/topics/earth/features/2012.html

    ResponderEliminar
  3. "É o que nos vai acontecer... pois continua-mos a negar as evidências..."

    Não percebi essa afirmação...

    ResponderEliminar
  4. Vamos morrer todos fritos é?

    Eu em relação a isso discordo.
    Tenho a certeza de vai haver muita gente a morrer e a sofrer em virtude do aquecimento global. Todavia, também é verdade que quando isso acontecer, certas medidas irão ser tomadas. Como a total proibição de libertação de gases tóxicos (seria o extremo dos extremos claro...) para surtirem efeitos a curto prazo. É claro que o aquecimento global não se reduz de um ano para o outro. Mas se uma medida dessa natureza vier a ser tomada, então penso que o aquecimento poderá ser resolvido mais depressa do que se imagina. Não obstante o facto de desaparecerem várias espécies de animais que são fundamentais à biodiversidade, é claro.

    ResponderEliminar